quarta-feira, 13 de junho de 2007

ABYSSUS ABYSSUM INVOCAT

Vasco Costa mandou devolver às entidades os processos de empreitadas em curso ou que ainda não tenham recepções definitivas, esquecendo-se que esses processos pertencem ao IGESPAR e ao IRHU, institutos que sucedem nas atribuições e em todos os direitos e obrigações à DGEMN.
No próprio dia 6 de Junho de 2007, às 16:46 h, remeteu aos Directores Regionais (!) um email sofismático nesse sentido:

O modelo circular diz:

Exmos. Senhores

Assunto: Prosseguimento das tarefas que competiam à DGEMN
Com a implementação do PRACE, chegou a seu termo a existência da Direcção-Geral dos Edifícios e Monumentos Nacionais.
Assim, venho solicitar a V. Exas., com carácter de urgência, a indicação dos interlocutores a quem possamos transmitir a documentação técnica e administrativa para o prosseguimento das tarefas que, até agora, competiam à DGEMN.
Com os melhores cumprimentos

Sem comentários:

Publicar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails
                    TEMAS PRINCIPAIS
AUSTERIDADE  -  CONTAS PÚBLICAS  -  CONTRATAÇÃO PÚBLICA  -  CORRUPÇÃO  -  CRISE FINANCEIRA  -  CULTURA  -  DESPORTO  -  DGEMN  -  DIA COMEMORATIVO  -  DIREITOS FUNDAMENTAIS  -  DÍVIDA PÚBLICA  -  EDUCAÇÃO  -  ECONOMIA & FINANÇAS  -  ESTADO DA NAÇÃO  -  ÉTICA  -  HABILITAÇÕES  -  HUMOR  -  JUSTIÇA  -  LEGALIDADE  -  NOMEAÇÕES  -  PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO PÚBLICO  -  PLANO INCLINADO  -  POLÍTICA  -  POLÍTICA CULTURAL  -  PRACE  -  PRINCÍPIO DA MELHORIA INCONTESTÁVEL  -  REABILITAÇÃO  -  TERREIRO DO PAÇO