sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

SOBREVIVER À CATÁSTROFE

O tsunami na Ásia, que causou centenas de milhares de vítimas, foi há 10 anos. Foram poucos os sobreviventes. Morreram nove portugueses e o apoio aos que sobreviveram na Tailândia foi praticamente inexistente.

Ligações: Tailândia - Tsunami - 10 anos depois [Aqui Tailândia]; Ten Years On: Wave of media responsibility post-tsunami [Phuket Gazette].

sábado, 20 de dezembro de 2014

COELHO VISITOU SÓCRATES

José Sócrates recebeu a visita de Jorge Coelho, que foi a Évora "testemunhar a amizade e solidariedade" para com o antigo primeiro-ministro. Ainda sobre este caso, a CMTV promete revelar hoje, às 22:56, o percurso do dinheiro entre Sócrates e o amigo Carlos dos Santos Silva.
      

sábado, 13 de dezembro de 2014

ENCONTRO EX-DGEMN EM ALCÂNTARA

Decorreu, ontem, em Alcântara, o habitual almoço de Natal 2014, consubstanciando-se o pretexto para reencontrar amigos e colegas que trabalharam na saudosa (e sempre presente) Direcção-Geral dos Edifícios e Monumentos Nacionais. Um organismo que foi a escola da reabilitação de edifícios e monumentos no nosso país e cuja extinção tem custado milhões ao erário público. Extinguir sem critério é como na guerra matar sem critério.
Muitos rostos que representaram a competência técnica e administrativa das obras públicas portuguesas estiveram presentes ontem. Reveja-os nestes vídeos. 
   

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

MEO VAI FALAR FRANCÊS?

Mais uma empresa portuguesa de referência está em vias de passar para mãos francesas, depois de ter passado por mãos brasileiras, a pretexto de construir um mega operador lusófono de telecomunicações.
A administração dos brasileiros da Oi, endividados até ao pescoço, aprovou a operação de venda da PT Portugal aos franceses da Altice. Qual operador lusófono, qual carapuça. Os portugueses foram enganados?
A PT SGPS ainda pode impedir o negócio. Será que os accionistas portugueses se vão entender nesse sentido? E os consumidores também têm uma palavra a dizer.

segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

sábado, 29 de novembro de 2014

ALMOÇO DE NATAL 2014

No próximo dia 12 vai ter lugar o almoço de Natal 2014 dos ex-DGEMN, no Restaurante "O Mercado", dentro do mercado Rosa Agulhas (Alcântara), em Lisboa. Vamos ter oportunidade de rever colegas que já não víamos há muito tempo. Infelizmente, já não vamos ter oportunidade de reencontrar o nosso eng. Nunes da Glória, que, entretanto, - soubemos ontem - faleceu. Recordemos os 104 que estiveram presentes o ano passado, revendo o vídeo que, então, realizámos.
Inscrições aqui, no nosso mensageiro electónico, ou por telemóvel para os colegas São Gomes ou Correia Alves.
O pagamento (18 €) é feito à entrada. Veja a ementa escolhida:

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

DECLARAÇÕES PÚBLICAS LAMENTÁVEIS E IRRESPONSÁVEIS

A repercussão pública no sistema de justiça que casos recentes que envolvem políticos e altos responsáveis da administração pública do Estado têm vindo a suscitar e os recentes ataques à magistratura e a juízes em concreto, por via do exercício das suas funções, impõem a seguinte tomada de posição.
Desde logo importa reafirmar os princípios básicos da democracia e do Estado de direito, com a defesa da separação entre o que é a actividade da justiça e dos tribunais e o que é a actividade política.
Em segundo lugar os Tribunais de Instrução são espaços de garantias de direitos e liberdades, permitindo todas as garantias de defesa dos cidadãos, que se impõem no âmbito de um inquérito criminal.
Nesta perspectiva, são sempre de lamentar declarações de personalidades públicas e políticas que, destoando daquilo que é o sentido institucional, profissional ou de Estado que deveria imperar, pretendem colocar em dúvida, sem fundamento credível, a isenção e o rigor profissional dos juízes que naqueles Tribunais desempenham funções.
Refira-se que os processos em fase de inquérito da competência do Tribunal Central de Instrução Criminal, que funciona actualmente com um quadro de dois juízes, vieram a ser todos redistribuídos em 1 de Setembro último, tal como aconteceu em todos os outros tribunais, por via da entrada em vigor do novo mapa judiciário.
Por outro lado, as decisões entretanto proferidas, tal como decorre da lei serão sempre escrutináveis pela via dos recursos que venham a ser interpostos. Os recursos são garantias fundamentais do Estado de direito e que nunca estiveram nem poderão estar em causa nestes e noutros processos.
Finalmente, é preciso sublinhar que a eventual apetência pela obtenção de informações e notícias não pode perverter as regras básicas do processo penal, os valores subjacentes ao segredo da justiça e o correcto tratamento dos casos judiciários.
Se a Democracia deve ser, cada vez mais, um espaço público de comunicação, em que o sistema de justiça não está imune é preciso, acima de tudo em determinados momentos reafirmar os princípios do Estado de direito: legalidade, independência dos Tribunais e dos juízes e garantias de defesa dos cidadãos.
(COMUNICADO DA DIRECÇÃO DA ASSSOCIAÇÃO SINDICAL DOS JUÍZES PORTUGUESES)

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

SÓCRATES EM DISCURSO DIRECTO

Há cinco dias "fora do mundo", tomo agora consciência de que, como é habitual, as imputações e as "circunstâncias" devidamente selecionadas contra mim pela acusação ocupam os jornais e as televisões. Essas "fugas" de informação são crime. Contra a Justiça, é certo; mas também contra mim. 
Não espero que os jornais, a quem elas aproveitam e ocupam, denunciem o crime e o quanto ele põe em causa os ditames da lealdade processual e os princípios do processo justo. 
Por isso, será em legítima defesa que irei, conforme for entendendo, desmentir as falsidades lançadas sobre mim e responsabilizar os que as engendraram. 
A minha detenção para interrogatório foi um abuso e o espetáculo montado em torno dela uma infâmia; as imputações que me são dirigidas são absurdas, injustas e infundamentadas; a decisão de me colocar em prisão preventiva é injustificada e constitui uma humilhação gratuita. 
Aqui está toda uma lição de vida: aqui está o verdadeiro poder - de prender e de libertar. Mas, em contrapartida, não raro a prepotência atraiçoa o prepotente. 
Defender-me-ei com as armas do Estado de Direito - são as únicas em que acredito. Este é um caso da Justiça e é com a Justiça Democrática que será resolvido. 
Não tenho dúvidas que este caso tem também contornos políticos e sensibilizam-me as manifestações de solidariedade de tantos camaradas e amigos. Mas quero o que for político à margem deste debate. Este processo é comigo e só comigo. Qualquer envolvimento do Partido Socialista só me prejudicaria, prejudicaria o Partido e prejudicaria a Democracia. 
Este processo só agora começou. 

Évora, 26 de Novembro de 2014 
José Sócrates
(Comunicado enviado à comunicação social)

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

DETENÇÃO ORDENADA POR CAIUS ALEXANDRE

Não nos regozijamos com a detenção de quem quer que seja. Para além de qualquer explicação racional, o humor permite-nos serenar patéticamente. É o caso do humor - um pouco negro -, com base no filme “Life of Brian”, Monty Python, 1979, que corre na web.

sábado, 22 de novembro de 2014

SÓCRATES DETIDO ÀS 11 DA NOITE

A notícia já tinha sido prenunciada pela revista Sábado, no passado dia 31 de Julho: o ex-primeiro ministro foi detido ao princípio da noite no aeroporto de Lisboa. 
Provávelmente, António Costa já não vai poder contar com a presença e o voto do amigo Zé no congresso. E, em vez da moção e da consagração do novo secretário-geral, o tema principal vai ser a detenção do ex-secretário-geral.

Ligações: Nota para a Comunicação Social [PGR]; José Sócrates: Se fosse verdade, seria absolutamente injusto [Sábado]; Sócrates, o Grupo Lena e o amigo Hugo Chávez [Expresso].

sábado, 15 de novembro de 2014

DIRECTOR DETIDO TEM MÉRITO

O director nacional do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) ocupa este cargo desde 2005, tendo entrado para o SEF em 1993 (há mais de 21 anos) e fez uma 'carreira de sucesso' até à altura em que foi detido. O que não significa que venha a ser condenado em tribunal, já que lhe tem sido reconhecido mérito.
Em 2007, o Ministro da Administração Interna condecorou-o com a medalha de Mérito Liberdade e Segurança na União Europeia, pelo seu contributo para a construção do Espaço Liberdade e Segurança da Europa, através da concretização do projecto SISone4ALL*. Nesta altura, já o Ministro do Interior de Espanha lhe tinha atribuído, uns anos anos antes (1999), a "Cruz al Mérito Policial com Distintivo Blanco" e o Presidente da República da Austria o tinha condecorado (2012) com o Grand Decoration of Honour in Silver, pelo trabalho desenvolvido na Frontex.
E, há quatro anos, tinha recebido o Prémio Integração e Acolhimento, da Liga dos Chineses em Portugal.

Ligações: Sintese Curricular do Director Nacional [SEF]; SISone4ALL - Solução portuguesa para conectar nove Estados-Membros ao Sistema de Informação de Schengen [PE]; O que fazer? SISone4All, como solução temporária [Carlos Coelho]; Transparência sólida ou gasosa? [Público].

* E não ISone4All, como alguns orgãos de comunicação têm referido.

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

O VALENTE JORNALISTA ALBUQUERQUE

"Tu não sabes quem eu sou. Metes a minha mulher ao barulho e podes ter a certeza que vais parar ao hospital.” O SMS foi enviado às 13h08 do dia 23 de Setembro, para o telemóvel de Filipe Alves, jornalista do 'Diário Económico' (DE). O emissor era António Albuquerque, marido da ministra de Estado e das Finanças, Maria Luís Albuquerque, também jornalista e ex-editor executivo daquele jornal. “Acabou, vou apresentar queixa contra ti na PSP”, respondeu Filipe Alves depois de uma troca de mensagens violenta, acrescentando que se lhe acontecesse alguma coisa, ser-lhe-iam pedidas explicações. Dois minutos mais tarde, Albuquerque reforçou o que tinha dito, sempre através de mensagens móveis: “Agora fiquei preocupado… estás avisado se metes a minha mulher ao barulho nesta história… vais parar a um hospital.” Ainda havia de escrever: “Tira a minha mulher da equação ou vou-te aos cornos.” Esta semana, na terça-feira, dia 11, depois de se esgotar um período dado a Albuquerque para pedir desculpa, deu entrada no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP), uma queixa por injúrias e ameaças contra o marido da ministra. 

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

EX-GESTORES DA PT TÊM MÉRITO

O que andaram a fazer os accionistas e gestores da PT?, perguntava Cavaco no passado dia 10.
Ora, os pequenos accionistas andaram a perder dinheiro (as acções valem pouco mais de 1 euro) e a pagar impostos e os gestores andaram a ser condecorados por mérito de gestão, justamente pelo Presidente da República. 
Será que outros gestores de referência, como os do BPN, do Banco Privado e do BES... também estão ou vão ser condecorados?
   

Ligações: Não justificar a condecoraçãoCondecorações por justa causaZeinal Bava é condecorado pelo PR [PT]; Henrique Granadeiro [Wikipédia]; Cavaco Silva: "O que é que andaram a fazer os accionistas e os gestores da PT?" [RR].

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

OI, SERÁ VERDADE?

A PT é “importante” porque é lá que “trabalham” os filhos dos politicos que nunca fizeram nada na vida sem ser viver da politica. 
Repasso aqui algo que me enviaram recentemente:

A PT é Enorme...
Fazem parte dos QUADROS da PT os filhos/as de:
- Teixeira dos Santos.
- António Guterres.
- Jorge Sampaio.
- Marcelo Rebelo de Sousa.
- Edite Estrela.
- Jorge Jardim Gonçalves.
- Otelo Saraiva de Carvalho.
- Irmão de Pedro Santana Lopes.
Estão também nos quadros da empresa, ou da subsidiária MEO os filhos de :
- João de Deus Pinheiro.
- Briosa e Gala.
- Jaime Gama.
- José Lamego.
- Luís Todo Bom.
- Álvaro Amaro.
- Manuel Frexes.
- Isabel Damasceno.
Para efeitos de "pareceres jurídicos" a PT recorre habitualmente aos serviços de:
- Freitas do Amaral.
- Vasco Vieira de Almeida. 
- Galvão Telles.
Assim não há lugar para os colegas da faculdade destes meninos, que terminaram os cursos com média superior e muitos estão a aguardar o primeiro emprego, no desemprego ou a trabalhar numa área diferente da sua licenciatura. É ou não uma PERFEITA DEMONSTRAÇÃO DA SOCIEDADE DO CUNHACIMENTO ? 

 (Comentário de Afonso Parreira ao artigo de José Manuel Fernandes
"A PT tem mel. Não há mosca que não atraia." no observador.pt).

terça-feira, 4 de novembro de 2014

VAI LONGE O TEMPO DOS BOMBONS

Foi com um sorriso amarelo que um revolucionário reformado televiu a condecoração de José Manuel pelo Presidente da República. Afinal, passar de m-l-m a social democrata e de PM a presidente da comissão europeia, na sequência da célebre cimeira dos Açores (em que se reafirmou que Saddam detinha armas químicas proíbidas), não é para todos. 
A ida para Bruxelas terá sido uma recompensa?
   

Ligações: Iraque: onde estavam as armas? [Conjuntura Internacional]; Bispo de Bagdade critica invasão dos EUA e lamenta perseguição religiosa no Iraq [SICN].

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

PODEMOS NÃO TER AMANHÃ

Num vídeo publicado no portal do Brittany Maynard Fund, a jovem norte-americana, doente terminal, admitiu que poderá não pôr termo à sua vida a 1 de Novembro, como tinha decidido e anunciado publicamente: 
Se 1 de Novembro chegar e eu morrer, espero que a minha família continue orgulhosa de mim e das decisões que tomei. E se 1 de Novembro chegar e eu continuar viva, então é porque continuámos juntos como família, cheios de amor uns pelos outros e a decisão será tomada mais tarde.

Ligações: 29-year-old woman: Why I'm taking my own life [USA Today]; Cancer patient Brittany Maynard, scheduled to die Saturday, checked last item on ‘bucket list’ [The Washington Post].

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

'POODLE' AMEAÇA SEGURANÇA NA WEB

Investigadores do Google descobriram um bug no protocolo de encriptação SSLv3, que é usado em boa parte dos movimentos bancários online (por exemplo, CGD, BES, BST e BCP) e no portal das finanças. 


Ligações: Everything You Need To Know About POODLE — The Next Online Security Threat [BI]; Poodles are attacking the Internet [CNN]; Attack of the week: POODLE [A Few Thoughts on Cryptographic Engineering]; How to check SSLv3 POODLE vulnerability & Securing your server from SSLv3 Poodle vulnerability [netwrkspider].

BOM AMBIENTE E ENERGIA ELEITORAL

Bruxelas ficou a tremer com o desafio de Passos no OE2015: o défice não vai ficar em 2,7%, mas em 2,5%. Os burocratas do governo são rigorosos e sabem antecipar cenários. Só o ministro Nuno é que não soube fazer contas e a ministra Paula desorientou-se no citius aonde andava. Que o governo sabe fazer folhas de excel e está confiante no futuro, principamente com os lucros da venda do Novo Banco no próximo ano. Queriam reforma do Estado? O Paulo já a fez há muito tempo. Não deram conta?  Não vêem os cortes na despesa do Estado? Vão ao oftalmologista. 
Fiquemos descansados: já não estamos intervencionados pela troika e, por conseguinte, recuperámos a nossa soberania. O nosso grande problema é a dívida e não o ébola. Em 2015, vamos ter menos verbas na Agricultura e Mar, na Educação e Ciência, na Administração Interna e nos Negócios Estrangeiros. Em contrapartida, vai haver mais Ambiente e Energia, Economia, Defesa e Finanças e Administração Pública. 

MINISTÉRIOS QUE VÃO GASTAR MENOS:
Agricultura e Mar; -11,5%
Educação e Ciência: -8,6%
Administração Interna: -3,9%
Negócio Estrangeiros: -1,1%
Solidariedade, Emprego e Segurança Social -0,8%.

MINISTÉRIOS QUE VÃO GASTAR MAIS:
Ambiente, Ordenamento do Território e Energia: +62%
Economia: +16,6% Defesa: +1,7%
Finanças e Administração Pública: +1,3%
Saúde: +0,2%

terça-feira, 14 de outubro de 2014

AINDA HÁ ESTRELAS NO CÉU?

Fim dos privilégios dos políticos, separação da política dos negócios, tributação das grandes fortunas, são algumas das bandeiras do partido das três estrelas de Marinho Pinto, que no passado sábado fez o prometido striptease salarial no portal do PDR.

terça-feira, 7 de outubro de 2014

DESCULPEM, O MINISTRO CHUMBOU A MATEMÁTICA

Segundo uma das leis de Murphy se um trabalho saíu errado, qualquer tentativa para melhorá-lo vai torná-lo pior...

sábado, 4 de outubro de 2014

VENCER A CENSURA COM O FIRECHAT

A crescente censura e os instrumentos das autoridades chinesas para controlar a web e as redes sociais - nomeadamente a Sina Weibo (o twitter chinês) - levaram o movimento de Hong Kong Occupy Central a adoptar um novo tipo de rede social.
Trata-se do FireChat que permite conversas por escrito, entre pessoas físicamente próximas umas das outras, através de bluetooth ou Wi-Fi, sem estarem ligadas à internet.  Um sistema de certo modo semelhante às redes Mesh, ligando smartphones, telemóveis, tablets e portáteis.
O FireChat foi desenvolvido pela Open Garden de Misha Benoliel (que esteve ligado ao desenvolvimento Skype), Stanislav Shalunov (que criou o Ledbat) e Greg Hazel (ligado ao desenvolvimento do µTorrent).

OURO EM DECLÍNIO

O ouro fez história durante muito tempo nos mercados financeiros. Corretores e analistas perspectivaram que a economia estava a ir para o charco e, por consequência, o ouro ascenderia aos 10 mil dólares por onça, porque a FED andava a fabricar dólares numa tentativa louca de estimular o mercado.
Todavia, a história chegou ao fim e o sonho morreu. O ouro parece a morte. Segundo um relatório de sexta-feira passada, o desemprego caiu 5,9% e o ouro desceu abaixo dos 1200 dólares. 
 O gráfico do que tem acontecido às cotações do ouro pode ser connsultado em FinViz.com

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

QUANDO O BIGODE NASCE

Um dia antes das primárias do PS, António Costa afirmou, em entrevista ao DN, que se soubesse o que aprendeu nestes quatro meses não teria dado oportunidades a Seguro de se poder afirmar. 
Para bom entendedor...

Ligação: Costa: "Não teria dado oportunidades a Seguro" [DN].

terça-feira, 30 de setembro de 2014

PRIMÁRIAS (TAMBÉM) NOUTROS PARTIDOS?

João Soares e José Eduardo Martins falam da imigração para a Europa e da política europeia nesta matéria, passando pela crise na Ucrânia. A concluir falam nas directas no PS e o que mudou no País. E na "soberba" de António Costa, em resposta a um vídeo da campanha de Seguro, ao atirar o cravo aos seu apoiantes no domingo e que, no entender de José Eduardo Martins, não augura nada de bom.

Ligações: Candidatura de Costa “não faz, obviamente, sentido” [Público]; Costa diz a Seguro: "Juntos somos imbatíveis" [DN]

terça-feira, 23 de setembro de 2014

O PARTIDO DA LUA NOVA

No último debate, António José Seguro falou no "partido invisível" dos interesses, que atravessa todos os partidos (incluindo o PS) e do qual muita gente fala, que apoia António Costa, referindo-se ao caso concreto do ex-administrador do BES Nuno Godinho de Matos, porta-voz dos fundadores do PS e apoiante de Costa, como um exemplo de "promiscuidade total entre o sistema financeiro e os partidos". 
Costa acusou o toque: "Se tu tivesses tido com o Governo um décimo da agressividade que tens para comigo, este Governo já tinha caído". E arregalando os olhos ao seu adversário, disparou: "o que é que tu fizeste de concreto na vida para combater a corrupção?", lembrando as várias medidas que disse ter tomado quando foi ministro da Justiça e que, até agora, não tiveram resultados visíveis, como, por exemplo, para encontrar culpados nos casos do BPN, do BPP, do BES,  das PPP's, do Freeport ou dos submarinos. 
Para já, a obrigatoriedade da declaração de interesses, que Seguro deu como exemplo para os advogados deputados, teve as suas consequências quando, logo a seguir, António Vitorino, provavelmente desagradado com o "populismo", aproveitou o seu comentário semanal na SICN para declarar publicamente o seu apoio a António Costa.
Se tivéssemos estado no lugar de João Adelino Faria gostaríamos de ter feito muitas outras perguntas. Gostaríamos de saber, por exemplo, se o indignado António Costa, tal como o seu amigo José Sócrates, também enviou mensagens de amizade aos envolvidos do PS no processo "Face Oculta" e se acha bem que o secretário-geral - enquanto tal - deva manifestar apoio público a correlegionários seus envolvidos em processos judiciais (como, por exemplo, o da pedofilia da Casa Pia). E, já agora, se também apoia a "generosidade" dos militantes que, como Godinho de Matos, transportaram ou transportam malas de dinheiro para os dirigentes.
O próximo dia 28 de Setembro vai ser decisivo. Desiludam-se aqueles que pensam que não há diferenças, por ambos os candidatos a candidatos serem do mesmo partido. Mais que estes dois homens estão em causa duas formas de fazer política. Ganhe quem ganhar, o futuro do PS não vai ser fácil. E não é por causa do Governo.
Se os partidos não se regenerarem melhorando substancialmente a sua democraticidade e transparência, - nomeadamente separando a política dos negócios - as novas realidades políticas e sociais se encarregarão de os substituir. Para além do novo partido de Marinho Pinto, já anunciado para 5 de Outubro, outros movimentos, mais ou menos inorgânicos, surgirão  a ameaçar os partidos do arco do poder no nosso califado.      

Ligações: “Irritadiço” e “encantador”: António Costa por quem o conhece [Observador]; Godinho de Matos diz que não é porta-voz dos fundadores do PS [Observador]

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

AS DIFERENÇAS ENTRE COSTA E SEGURO

A senilidade tem destas coisas: dá-nos coragem para uma certa incontinência verbal e, enfim, dá-nos oportunidade de expressarmos mais frequentemente aquilo que de facto sentimos. Enfim, é a reminiscência da autoridade que já se teve e a nostalgia por um estatuto que deixou de se ter. Acontece aos reformados de todos os ramos de actividade e muito particularmente da política. 
Vem isto a propósito do toque de clarim de Mário Soares e da recente almoçarada no Áltis de um quarteto de mediáticos grandes educadores socialistas, respectivamente, no lançamento e no estridente apoio público a António Costa no assalto à liderança do PS. 
Sem oposição declarada, Seguro tinha tomado conta do partido em circunstâncias difíceis, na sequência da estrondosa derrota de Sócrates que catapultou Passos para o poder, mesmo sem ter curriculum político ou de Estado para isso, como vai sendo cada vez mais trivial no nosso país. 
Tal como a Fénix a ressurgir das cinzas, Seguro arregaçou as mangas e procurou unir e reconstruir um partido destroçado, confortando camaradas derrotados - muitos deles seus adversários políticos internos - altamente comprometidos com a política de Sócrates de que a dívida pública não é para pagar. 
Só que Seguro - que é cavalheiro, leal e educado - esqueceu-se que quem o inimigo poupa às mãos lhe morre. A política de generosidade e complacência para com os adversários fê-lo distraír da sua identidade política e de princípios que genuinamente sempre defendeu, nomeadamente: 
  • o aperfeiçoamento da representatividade democrática dentro e fora dos partidos; 
  • o regionalismo e a defesa do interior do país;  
  • a ética e a transparência, através da separação dos negócios da política. 
Na sua longa carreira política no partido e em cargos públicos, António José Seguro apercebeu-se da deficiente representação democrática dos cidadãos propondo a reforma do parlamento e levando, agora, à prática um novo sistema de eleições internas do partido. 
Ao contrário do seu opositor - que é sulista, urbano e elitista, com "quadratura" assegurada continuamente nos media -, Seguro foi discretamente autarca no seu município natal e sabe que até mesmo um sinal de trânsito mal colocado pode prejudicar uma terrinha do interior, quanto mais a abolição de centros de saúde, de escolas, de repartições de finanças e de tribunais. E, se Seguro fosse presidente da Cãmara da capital, nunca deixaria ceder a uma casa regional um edifício que nem sequer serve para habitação. 
A transparência do Estado e a separação dos negócios da política é outra bandeira de Seguro, que deve ser de todos os partidos e de todos os portugueses. Basta lembrarmo-nos das consequências de casos como os do BES, do BPN, dos submarinos, do Freeport, das PPP's, etc. A não ser que distraídamente deixemos colocar como símbolos nacionais figuras públicas com as quais Alves dos Reis teria muito que aprender.

domingo, 24 de agosto de 2014

NÃO PAGAMOS MAIS BANCOS?

Vários grupos ligados aos Anonymous Portugal lançaram recentemente a operação "Novo Sangue" da qual resultou, para já, a publicação na web de uma lista de 200 emails retirados do Novo Banco (antigo Banco Espírito Santo, BES) e do Banco de Portugal (BdP), tornando mais fácil aos cidadãos reclamarem contra a intervenção do Estado no BES. 
Grupos do Anonymous (como OutsideTheLaw e SideKingdom12) juntam-se aos cidadãos que não querem a delapidação do erário público em financiamentos mais ou menos camuflados e proclamam "Não pagamos mais bancos". como titula um 'post' do Facebook e que conta 'likes' ('gostos') na rede social. 
Recorde-se que a actividade dos Anonymous Portugal se tem intensificado ultimamente, tendo recentemente sido divulgados, cerca de 2700 dados de funcionários do Ministério da Agricultura, como endereços de email, senhas de acesso e números de telemóvel.

Ligações: Anonymous Portugal atacam Banco de Portugal e Banco Espírito Santo [Tugaleaks]; Hackers divulgam emails internos do Novo Banco e Banco de Portugal para que cidadãos reclamem [Público].

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

MAIS UM ACROTÉRIO EM REABILITAÇÃO

Está em curso (finalmente) a reabilitação do acrotério do corpo central do Terreiro do Paço do lado da Rua do Ouro. A empreitada - que, para além da recuperação da verticalidade do acrotério, compreende a recuperação da balaustrada adjacente - foi lançada pelo Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça. IP e adjudicada à STAP, por 128.028,75 EUR + IVA, com prazo de execução de 60 dias. O projecto é do ex-DGEMN Bessa Pinto e a fiscalização da Ensaio Regra, Lda..
Recorde-se que a recuperação dos acrotérios começou ainda no tempo em que existia a DGEMN, com a reabilitação de 3 acrotérios: por cima do Café Martinho da Arcada, ala oriental e o da esquina da Rua do Ouro com a Rua do Arsenal. Ficaram por reabilitar os outros três (2 no edifício central e 1 na ala ocidental), pelo que o início desta obra é, sem dúvida, uma boa notícia.
Veja estas fotos que documentam os trabalhos nestes elementos típicos da Praça do Comércio.

             



Ligações: É importante pensar (e estudar!) a reabilitação ; Arco da Rua Augusta vai abrir ao público em Maio; Saudades da DGEMN .

terça-feira, 12 de agosto de 2014

QUEM CONTROLA O SISTEMA FINANCEIRO?

João Soares e Eduardo Martins comentaram na SICN os casos BES e BPN. Afinal, quem controla o sistema financeiro?

A ACTA FATAL

O conselho do Banco Central Europeu deliberou, no dia 1 de agosto de 2014, suspender o estatuto de contraparte do Banco Espírito Santo S.A. e intimar esse banco português a pagar o montante de 10.000 milhões de euros ao Eurosistema, até à hora do fecho das operações do dia 4 de agosto.

O dia 1 de agosto foi uma sexta feira.
O dia 4 de agosto foi segunda feira.


Ou seja: o Banco Central Europeu entalou o banco português, forçando na sexta-feira uma solução que tinha que ser adotada até ao fim de segunda feira. 
Nada fazia imaginar nessa sexta-feira, apesar de uma notícia que dava conta de que os prejuízos do BES se haviam cifrado em mais de 3.500 milhões de euros, no primeiro trimestre de 2014, que houvesse uma ataque desta natureza a um dos maiores bancos portugueses. Bem pelo contrário, tudo indicava que estava em curso uma grande operação de tomada do capital do BES, nomeadamente por bancos estrangeiros, como o Goldmann Sachs, antigo patrão do administrador Moreira Rato. 
No domingo, às 20 horas, reuniu o Conselho de Administração do Banco de Portugal, que aprovou, em minuta, uma ata que há-de ficar na história do sistema financeiro português


Ligações: Governo altera a lei “à pressa” para poder resolver o caso do BES [Tugaleaks]; Lei que permitiu resolver o caso do BES foi aprovada por e-mail a um fim de semana [Tugaleaks].

terça-feira, 5 de agosto de 2014

UMA NOTÍCIA QUE CORREU MUNDO

A situação financeira do BES tem sido manchete por todo o lado. Em França, o Crédit Agricole anunciou um prejuízo de 708 milhões no BES.
   

Ligações: Des résultats impactés par la situation du BES [Crédit Agricole]; Le Crédit agricole lourdement touché par les ennuis de la banque portugaise Espirito Santo [Le Monde - Economie]

sábado, 2 de agosto de 2014

A FÉ É QUE NOS SALVA?

Hoje é sábado e a nossa dívida continua a aumentar. São juros e mais juros e a economia não ajuda. É o fado dos pobres. Se é crente, vá à missa, hoje ou amanhã.

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

ISTO É MATEMÁTICA OU MANIPULAÇÃO?

Conforme escrevíamos aqui, em Maio de 2011, numa série de artigos sobre "A Gestão do Património Imobiliário Público", se o leitor - ou um jornalista de investigação - perguntar a cada um dos 16 ministros, ou ao PM, que edifícios e instalações - e quantos- estão a ser ocupados pelos serviços do respectivo ministério, vai ter uma grande desilusão. Por outras palavras: o Estado, ao contrário dos cidadãos, desconhece com rigor o seu património imobiliário.
Daí a nossa surpresa quando ouvimos hoje, nas notícias da TSF, as percentagens de edifícios públicos que supostamente têm amianto: 37% do Ministério da Educação, 17% do Ministério da Defesa, 10% do Ministério da Administração Interna, 32% do Ministério da Economia, etc e que "em comunicado o Governo sublinha que este levantamento abrangeu todos os edifícios e equipamentos com serviços públicos e que 84% não apresentaram problemas. Em relação aos outros 16%, esta primeira análise revelou sinais de amianto, mas ainda não existem certezas absolutas" (sic).
Ora, se nem os próprios serviços públicos sabem, com rigor, quantos edifícios têm, como podem fazer afirmações tão peremptórias? As percentagens relativas a um determinado universo calculam-se sobre um número tanto quanto possível exacto desse universo. 
Mas, para além disso - e ainda mais grave - põe-se a questão de saber como foram contados os edifícios susceptíveis de estarem contaminados com amianto, até porque este mineral existe em vários materiais de construção. 
A compilação técnica dos materiais constitutivos dos edifícios públicos só passou a ser exigida há relativamente poucos anos (1) no âmbito da legislação sobre segurança e saúde do trabalho da construção (Decreto-Lei nº273/03, de 29-10), pelo que, não existindo uma relação específica dos materiais utilizados na execução de cada obra, não alcançamos como é que se consegue pesquisar cadastros de edifícios e ler os cadernos de encargos respectivos. Por outro lado, é preciso haver arquivos (a maior parte é destruída, seguindo a legislação da validade dos arquivos públicos), como é bom exemplo o da saudosa Direcção-Geral dos Edifícios e Monumentos Nacionais (Forte de Sacavém). Ler cadernos de encargos de empreitadas, a partir do cadastros dos edifícios,  em tão pouco tempo, não é tarefa fácil. Só à vista desarmada e à vol d'oiseau se consegue chegar com tanta precisão a estes números.    
Já estamos habituados ao marketing e à propaganda de políticos e de governos, que transformam os nossos males em virtudes, a nossa pobreza em riqueza e actos de corrupção em exemplos de boa gestão. Claro que é positivo detectar edifícios - públicos e privados - com materiais e equipamentos prejudiciais à saúde (2). Mas, temos inevitávelmente que concluir que Goebbels, se fosse vivo, teria agora muito que aprender.

Ligações: Governo contou mais de dois mil edifícios públicos com amianto [TSF]; Mortos não causam encargos; Informação sobre o risco de exposição a fibras com amianto [Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge]; Incentivi Smaltimento Amianto Con installazione di un Impianto Fotovoltaico [SIEL]; A Gestão do Património Imobiliário Público; Este País não é para engenheiros.

(1) Note-se que a ficha técnica de habitação foi tornada obrigatória pelo Decreto-Lei Nº68/2004, de 25-3.
(2) Por exemplo, quantas instalações produtoras de raios X (e outras radiações) não estão devidamente protegidas (com chumbo, betões e argamassa baritados, etc) de modo a evitar que, ao passarmos na rua, sejamos "brindados" com um feixe de radiações?

quarta-feira, 23 de julho de 2014

PARA QUANDO A SINCERIDADE PORTUGUESA?

"Sí robé, pero poquito", confidenciou em público o mexicano Hilario Ramírez Villanueva, ex-alcaide de San Blas, Nayarit, durante a sua campanha para ser reeleito alcaide (presidente da câmara municipal), desta vez como candidato independente. 
Neste vídeo, que circula pela redes sociais, Layin - como é conhecido em San Blas - explicou que só roubou pouco porque o município é muito pobre.  Em 2008, Hilario foi eleito alcaide de San Blas e a sua administração foi alvo de inquérito por um presumível desfalque de 20 milhões de pesos.
Desta vez, para conquistar votos, o candidato afirma: "Si por azares del destino llego al puesto y no les cumplo, mándenme a chin... a mi madre, se los digo de frente porque así soy yo".
Por fim, convidou os presentes para a festa popular do seu aniversário, no próximo dia 22 de Fevereiro 2015, que contará com a actuação da Banda El Recodo "porque ustedes saben que su amigo Layin atiende bien; un traguito, un ruidito y un taquito".

segunda-feira, 14 de julho de 2014

BES: QUEM VAI PAGAR A CRISE

Ao contrário de outros bancos, o BES tentou evitar recorrer a dinheiros públicos através de aumentos de capital. Mas esta opção potenciou os problemas que levaram à actual situação, com o GES próximo da insolvência. Se ainda existiam dúvidas sobre a necessidade do BES recorrer ao Estado, os últimos acontecimentos ajudaram a desfazê-las. 
O BES está debaixo do fogo das agências de notação internacionais e encontra-se exposto à elevada dívida das empresas do GES, tendo-se colocado numa posição vulnerável face a eventuais processos judiciais dos clientes a quem vendeu papel comercial da ESI. 
A somar a isto tudo, o BES de Angola está na iminência de ser nacionalizado, o que segundo alguns analistas leva à necessidade de capitais da ordem dos 4,3 mil milhões de euros, o que, dado o desmoronar da credibilidade do grupo, torna a injecção de dinheiros públicos inevitável e urgente. 
Bem podem Passos e Maria Luís apregoar que os maus investimentos do GES não serão suportados pelos contribuintes. A realidade, pelos vistos, vai ser bem diferente. É preciso evitar danos colaterais antes que seja tarde demais.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

SEGURO SEPARA POLÍTICA DE NEGÓCIOS

No Frente a Frente de ontem, João Soares começou por sugerir a leitura do livro "Vida e Destino", de Vassili Grossman e defendeu a fiscalidade ambiental no quadro da UE, enquanto Teresa Caeiro começou por falar da quebra da natalidade e do aniversário do CDS-PP e criticou o pacote fiscal verde e a sua oportunidade. 
A propósito das dificuldades financeiras do GES, João Soares referiu o bando dos ladrões que tomaram o poder em Angola e que controla bancos e comunicação social em Portugal. E criticou sem papas na língua a promiscuidade entre o poder financeiro e a política. 
Uma das razões por que põem em causa a liderança do António José Seguro no Partido Socialista - que é uma coisa que nunca aconteceu, a meio do mandato e depois de duas vitórias eleitorais, - é porque ele traçou com muita clareza desde sempre - e isso é claro para os portugueses - uma separação entre a política e os agentes económicos e  é porque ele dá garantia de que vai fazer isso para a frente. Essa é uma das razões por que o apoio de uma forma indefectível. Não estou com a alcateia de lobos que o querem matar na praça pública, disse Soares, a concluir.  

quarta-feira, 9 de julho de 2014

CONCORRÊNCIA CHINESA APERTA NOS TELEMÓVEIS

Ao contrário do que acontece com os Iphones da Apple, a concorrência chinesa aos smartphones android da Samsung não pára de aumentar, surgindo mesmo imitações bem mais baratas, feitas por fabricantes, cujo nome é pouco conhecido.
A título de exemplo, compare-se o Grand SII da ZTE, com o S4 da Samsung. E veja as semelhanças entre alguns modelos da Umeox, da Konka ou da JZH mobile e alguns da Samsung.  
A venda dos clones made in China continua a crescer mesmo depois de algum abrandamento causado pelas recentes notícias de haver software espião pré-instalado de fábrica no Star N9500 e da empresa de segurança alemã G Data ter revelado que este software envia dados pessoais para um servidor localizado na China e não pode ser removido.

OnePlus One - um smarthone para ver o "Mundial" com um gesto, por menos de € 280

Ligações: Telemóveis baratos e bons; Top 10 clone phones with dual sim from China [GizChina.com]; Elephone take inspiration from iPhone 6 leaks for their next phone [GizChina.com]; How to avoid a Trojan phone? Don’t buy a clone! [GizChina.com]; Smartphones similar to "Star N9500 5 HD 3G Android Smart phone MTK6589 Quad Core 1G RAM AT T T Moble" [eBay]; OnePlus One- Review/Análise PT-PT [4gNews.pt]; A Tiny Chinese Startup Has Made My Favorite New Smartphone Of The Year [BI].

segunda-feira, 7 de julho de 2014

NSA: CURIOSIDADE INSACIÁVEL PELA VIDA DE CIDADÃOS COMUNS

A NSA interceptou dados de um elevado número de cidadãos comuns, boa parte deles norte-americanos, de acordo com um trabalho de investigação de The Washington Post, baseado em elementos fornecidos por Edward Snowden, relativos às comunicações interceptadas entre 2009 e 2012.
Durante aquele período, foram interceptados cerca de 160 mil mensagens e documentos, dos quais 121 mil mensagens instantâneas, 22 mil emails, perto de 8000 documentos armazenados, cerca de 3800 mensagens trocadas através das redes sociais ou 5000 fotografias privadas. 
Estes 160 mil registos abrangeram 11.400 contas na internet. A NSA registou os nomes dos cidadãos, os endereços de email e outros detalhes registados como pertencentes a cidadãos norte-americanos, quando, legalmente, apenas poderia espiar cidadãos estrangeiros fora do território dos EUA, excepto em situações em que houvesse um mandato judicial específico.
Do material interceptado foi colhida informação que contribuiu para a captura de suspeitos de terrorismo, nomeadamente Muhammad Tahir Shahzad, um bombista baseado no Paquistão, e Umar Patek, um dos suspeitos do atentado de Bali em 2002, que causou 202 mortos. Contudo, cerca de 90% das contas espiadas estavam completamente fora do âmbito das investigações da competência da NSA, tendo sido espiadas histórias de amor, relações sexuais ilícitas, conversas sobre política e religião e muita outra informação que constitui autêntica devassa da vida privada dos cidadãos.

Ligações: In NSA-intercepted data, those not targeted far outnumber the foreigners who are [WP].

quinta-feira, 26 de junho de 2014

ANUNCIADOS 'ANDROID L' E 'CHROMEBOOK' MELHORADO

Decorreu em São Francisco o Google I/O 2014, destinado à apresentação de novos produtos e tecnologias. Conheça as inovações que vão começar a surgir a partir do final deste ano, neste vídeo de nove minutos.

Ligações: Everything You Missed From Google's Biggest Show Of The Year [BI]; The 17 most important things Google announced at I/O [The Verge].

quarta-feira, 25 de junho de 2014

ISALTINO SAI DA CARREGUEIRA

Isaltino parece ter sido transformado no único exemplo paradigmático de que a classe política não está acima da justiça, ao contrário dos implicados na fraude gigantesca do BPN e noutros casos mediáticos que continuam impunes.
   

domingo, 15 de junho de 2014

A QUADRATURA DA ÉTICA

Entre as muitas dificuldades com que Seguro se deparou como secretário-geral do PS foi a de encontrar um grupo parlamentar nomeado pelo seu antecessor a contestar a sua liderança. A prová-lo está o abaixo-assinado contra as primárias abertas de 28 de Setembro, propostas pelo secretário-geral, que conta com 45 em 74 assinaturas possíveis. 
Ontem, na Alfândega do Porto, Seguro disse que o seu projecto assenta num compromisso ético. Não visa o poder pelo poder, para distribuir benesses pelos apaniguados. 
Há regras de convivência num órgão democrático e que é natural que quem quer ser líder se apresente, como fez Francisco Assis.
Ninguém mais se chegou à frente. Faltavam quatro anos para as legislativas e o PS vinha da sua maior derrota de sempre. Nessa altura,lembra-se de amigos lhe dizerem ‘Não vás agora, para seres queimado’. Mas como é que alguém pode virar as costas ao seu partido no momento mais difícil?
Seguro lembrou ainda que, no ano passado, quando o seu adversário admitiu disputar-lhe a liderança, dispôs-se, “sem hesitação”, a antecipar o congresso. Só que o autarca de Lisboa fugiu ao confronto. 
Mas agora? Quando não estava aberta nenhuma disputa pela liderança? Só porque já é apetecível o poder? Quando já há a certeza de que o PS ganha as próximas legislativas?
Portugal não precisa de um primeiro-ministro de ocasião. Precisa de um líder que avance nos momentos difíceis, sublinhando que a lealdade e a solidariedade são valores que fazem parte da matriz do PS. Se não os conseguimos praticar cá dentro, como vamos querer que os portugueses acreditem que os vamos praticar no país?


sexta-feira, 13 de junho de 2014

PREPARANDO SURPRESA PARA CRISTIANO

A nodelo e apresentadora de TV Andressa Urach foi esperar Cristiano Ronaldo e preparou uma surpresa para o craque, à chegada a Campinas.

ZIGUEZAGUE DO GOVERNO

Para Lobo Xavier, o governo não pode celebrar a saída da troika ao mesmo tempo que propõe mais austeridade e a ameaça de um novo resgate. É a política do ziguezague.

domingo, 1 de junho de 2014

SEGURO DEFENDE-SE

Alguns aplaudem que Costa queira apear Seguro da liderança do PS, mesmo depois das vitórias eleitorais obtidas, criando o precedente perigoso de punir os vencedores se as suas vitórias não forem esmagadoras. A democracia é isto?
Se conseguir empurrar Seguro, como vai Costa explicar-se aos lisboetas que votaram nele para presidente da câmara da capital? Que mudou de ideias e que Portugal é Lisboa e o resto é paisagem?

O ASSALTO AO PODER

No Verão de 2010, o jornalista Carlos Amorim publicou o livro "O Assalto ao Poder", cuja leitura, apesar de ter como cenário o Brasil, sugerimos aos nossos leitores.
Diz na capa:
O crime organizado se infiltra nas instituições democráticas, nas empresas e na política. O país cresce e as elites aproveitam. Mas populações inteiras sofrem o apartheid social. Enquanto isso, o crime corrompe a sociedade de alto a baixo.
E na contracapa:
Ferido por uma violência sem precedentes, cercado pela corrupção em todos os níveis, ameaçado pelo narcotráfico e pelo terrorismo que se aproxima, o país vive uma confrontação armada nas cidades e no campo. A base do conflito é a desigualdade e as poderosas tensões sociais. Ambas aliadas à incompetência e ao descaso das autoridades, o crime organizado, nacional e globalizado, atinge o grau máximo: O Assalto ao Poder.

Ligação: Lançamento do livro "Assalto ao Poder" [YouTube].

sábado, 31 de maio de 2014

DESEMBARGADORA ACUSADA DE PECULATO

Uma juíza do Tribunal da Relação do Porto é acusada de ter ao seu serviço três advogados, dos quais um estagiário, a quem incumbiu de decidirem processos e escreverem acórdãos. Os serviços prestados por dois deles teriam sido pagos com dinheiros da Cruz Vermelha do Porto.

sexta-feira, 30 de maio de 2014

PS: TRANSFORMAR UMA VITÓRIA NUMA DERROTA

"Lamento o que se está a passar esta semana (...) Várias atitudes que foram tomadas transformaram uma vitória do Partido Socialista numa derrota, prejudicando o próprio Partido Socialista", disse ontem António José Seguro em Coimbra.
De facto, nunca se viu a liderança de um partido ser posta em causa depois das duas vitórias conseguidas em sucessivos actos eleitorais. É a perplexidade dos cidadãos e a descredibilização da política que estão na ordem do dia e não a política derrotada dos partidos da coligação governamental, como seria de esperar. 
Com o artigo do Público de hoje e o alarido na comunicação social de alguns, fica-se a saber quem são os protagonistas da instabilidade no PS. Afinal, Passos e Portas têm muitos amigos socialistas.

João Soares apoia Seguro

Ligações: Resposta ao povo [Público]; João Soares acusa António Costa de «crise de egocentrismo» [TVI24]; Uma passadeira e um testamento [Observador]; Marinho Pinto: PS está a ser alvo de um «assalto interno ao poder» [TSF - 30/05]; PS: Seguro afirma que é caso único contestar líder legítimo que ganhou duas eleições [TSF - 30/05]; João Soares diz que artigo do pai é «um disparate» [TVI24 - 30/05]; António José Seguro: entrevista a Judite de Sousa [TVI - 31/05].

segunda-feira, 26 de maio de 2014

MARINHO E PINTO DEPUTADO EUROPEU

A grande vitória das europeias de ontem foi para Marinho e Pinto e o Movimento Partido da Terra. O que defende Marinho Pinto? Recusa a saída do euro e defende que Portugal deve pagar a sua dívida, mas que se pode fazer uma renegociação dos juros: As dívidas pagam-se. Nós pedimos dinheiro emprestado, gastámo-lo, devemos pagar. Agora podemos pagar com taxas de juro usurárias ou a taxas de juro adequadas.

terça-feira, 20 de maio de 2014

BREVEMENTE TEREMOS AROMAS POR SMS

Dentro em breve vai poder enviar e receber odores por SMS, graças ao oPhone, um aparelho de forma cilíndrica, que deve ser comercializado a partir do início de 2015. O mentor do projecto é David Edwards, professor de Engenharia Biomédica da Universidade de Harvard. 
O oPhone é uma pequena caixa branca que gera sinais aromáticos complexos em rápida sucessão de pequenas emissões de vapor, como um telefone padrão transmite as informações de áudio e funciona através da manipulação tecnológica de partículas, de modo semelhante à tecnologia dos aerossóis médicos.

Ligações: Scent Messaging Wafts In [NYT]; Le Laboratoire’s Ophone Is A Smartphone For The Nose That Knows [TC].

sexta-feira, 16 de maio de 2014

VÍDEOS PARA O ENSINO

A web é uma fonte inesgotável de recursos para o ensino. Se pretender aceder a vídeos interessantes sobre matemática, física, química, biologia, língua portuguesa... aceda ao canal educação do YouTube, aonde são disponibilizados cerca de 10 mil vídeos em português.
Se lhe interessar copiar algum destes vídeos para o seu computador, pode recorrer, por exemplo, ao savedeo, colocando o endereço do vídeo e escolhendo o formato pretendido. O savedeo pode recolher, ainda, vídeos do Vimeo, do Facebook, do Flickr, do Vine, etc 

quarta-feira, 14 de maio de 2014

BEIJO NA BOCA ENTRE DOIS FUTEBOLISTAS

Depois do impacto causado por Conchita Wurst no Festival da Eurovisão deste ano, tivemos recentemente outro acontecimento que está causar furor na web. Trata-se do beijo na boca entre dois futebolistas (Ivan Rakitić e Daniel Carriço). Será para fortalecer as relações luso-croatas?

segunda-feira, 12 de maio de 2014

BRINCADEIRA DE MAU GOSTO

Na Universidade Política de Lisboa, por onde tinha passado Marcelo, a vice-presidente do PSD, Teresa Leal Coelho, apresentou o deputado Paulo Mota Pinto dizendo que ele tinha uma mancha no curriculum, por ter sido juiz do Tribunal Constitucional. Apesar de se ter justificado que foi uma mera brincadeira, não deixa de ser de mau gosto. A campanha eleitoral não justifica tudo.

domingo, 11 de maio de 2014

SIMPLESMENTE MARCELO

Três pontos de vantagem do PS sobre a coligação surpreendeu Marcelo (que pensa que são cinco) e, perante a assistência juvenil, ironizou que Seguro não tem substância. Passos e o governo é que têm, como temos visto.

terça-feira, 6 de maio de 2014

O QUE CAVACO NÃO DISSE

Fazendo um desafio aos que apontavam a inevitabilidade de um segundo resgate, Cavaco escreve na sua página do Facebook:
O que mais me vem à memória, no dia de hoje, são as afirmações perentórias de agentes políticos, comentadores e analistas, nacionais e estrangeiros ainda há menos de seis meses, de que Portugal não conseguiria evitar um segundo resgate. O que dizem agora? 
Neste tempo pré-eleitoral é apenas isto que respondo a todos aqueles que pedem a minha reação ao anúncio de ontem de que Portugal não recorrerá a qualquer programa cautelar, ao mesmo tempo que lhes recomendo a leitura integral – e não truncada – do prefácio que escrevi para Roteiros VIII, disponível na página oficial da Presidência da República na Internet.
Cavaco também disse, em Janeiro, que existem custos para esse tipo de saídas à irlandesa e os programas cautelares, segundo muitos, conseguem reduzir substancialmente os custos associados aos riscos que eventualmente podem surgir nas dificuldades de colocação de títulos nos mercados internacionais. 
O que Cavaco não disse é que a tal saída "limpa", independentemente da política interna lusa, já estaria há muito decidida pelo Eurogrupo e, particularmente, pela Alemanha e pelo senhor Wolfgang Schäuble.

quarta-feira, 30 de abril de 2014

MAIS AUSTERIDADE

IVA a 23,25%, aumento da TSU dos trabalhadores em 0,2% e nova CES para pensões acima de 1000 euros são, uma síntese do reforço das medidas de austeridade que vão ser anunciadas hoje pelo governo, em conferência de imprensa.
Entretanto, consta que o atraso na apresentação do tal Documento de Estratégia Orçamental (DEO) é devido a problemas nos cálculos de substituição da Contribuição Especial de Solidariedade (CES) por um novo modelo de corte nas pensões, que penalizará ainda mais as pensões acima dos mil euros.
Medidas em cima do joelho é o que dão. Talvez o autor do conhecido programa Isto é Matemática possa dar uma ajudinha...

terça-feira, 29 de abril de 2014

EX-DIRECTOR GERAL SUSPEITO DE CORRUPÇÃO

Em comunicado divulgado hoje, a Procuradoria-Geral da República (PGR) informa que está em curso uma investigação, dirigida pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP), visando "eventuais ilegalidades relacionadas com obras executadas pela Direcção Geral de Infraestruturas e Equipamentos do Ministério da Administração Interna", estando em causa suspeitas de corrupção e participação económica em negócio. 
Segundo a PGR, está detido será apresentado quarta-feira no TCIC um ex-director geral, que será submetido a um primeiro interrogatório judicial pelo juiz Carlos Alexandre.

sábado, 26 de abril de 2014

D. INÉRCIA MOTIVOU ATAQUE 'ANONYMOUS'

Nomes, passwords e contactos de procuradores, que constavam nas páginas da web da Procuradoria e do Sistema de Informação do MP, foram ontem divulgadas pelo movimento Anonymous Portugal, que justificou o seu ataque ao site da PGDL escrevendo: "Isto é o descontentamento pela vossa inércia e cooperação com os marginais que têm levado Portugal a uma pobreza maior que há 40 anos atrás".
A PGR divulgou uma nota à comunicação social sobre o assunto, comunicando a abertura de um inquérito-crime com vista à investigação dos factos.

Ligações: Anonymous divulgam nomes e telemóveis de Procuradores do Ministério Público [Tugaleaks]; Anonymous Portugal [FB]; Sud0h4k3rs [FB]; SideKingdom12 [FB]; OutsideTheLaw [FB] .

sexta-feira, 25 de abril de 2014

FAZER A LUTA SEM ESPERANÇA DE AMANHÃ

Acontece-me muitas vezes na rua, pessoas reconhecerem-me e solicitarem-me comentários sobre a situação. Dizem-me: 'É pá, agora é que era preciso as bombas e tal'. Eu digo sempre que não se trata disso, as bombas não fazem milagres. Ou nós temos uma plataforma... Não há um programa de poder porque a esquerda está muito fraccionada e tem concepções antigas. Por outro lado, a União Soviética era, na cabeça dos capitalistas, o perigo daquilo abrir caminho à revolução. Os capitalistas fizeram sempre dos socialistas, desde o século XIX até ao século XX, a barreira de onde se defendiam da revolução. Faziam concessões aos partidos socialistas ou sociais-democratas no sentido de impedir que o processo degenerasse num processo revolucionário. O que acontece agora é que deixaram de ter essa função e eles acham que esses partidos são excrescências. 

( Carlos Antunes, em resposta à pergunta do Expresso, 
como encara o país 40 anos depois do 25 de abril? )



Ligação: "As bombas não fazem milagres" [Expresso]

quarta-feira, 23 de abril de 2014

COLAPSO DE MURO MATA ESTUDANTES

Em Braga, na praça Vilar, nas imediações da Universidade do Minho, ruiu uma espécie de "muro falso" que servia de suporte a caixas de correio de moradores, provocando a morte de três estudantes e ferindo outros quatro. Esta quinta-feira haverá uma peritagem, a realizar por técnicos de engenharia da Universidade do Minho, para averiguar as causas do acidente.

segunda-feira, 21 de abril de 2014

DESCENTRALIZAR É MELHOR E MAIS BARATO

Rui Moreira apresentou, em Lisboa, no Palácio Foz, o livro História de uma Campanha: o Nosso Partido é o Porto, em que relata, em co-autoria com Jorge Afonso Morgado, o percurso de um movimento inovador, visto e contado de dentro, na primeira pessoa, ilustrado com episódios e imagens inéditas dos bastidores da campanha.
Mais tarde, na SICN o presidente da Câmara do Porto aproveitou a oportunidade para dizer que, apesar de ter vencido as autárquicas numa campanha contra os partidos, estes são fundamentais para a democracia. E que os municípios podem ter um papel importante na minoração da crise: pela sua maior proximidade dos cidadãos, na maior parte dos casos, podem gerir melhor e mais barato que o governo.

Ligações: Apresentação do livro "História de uma Campanha" [FB]; Rui Moreira agradece aos apoiantes com livro que recorda seis meses de campanha eleitoral [Público]; Rui Moreira aproveitou O Ataque aos Milionários para fazer a defesa do pai [Público].

domingo, 20 de abril de 2014

NORDESTE EM LISBOA

No passado domingo, a Casa de Trás-os-Montes e Alto Douro - que é a associação regionalista mais antiga de Lisboa - trouxe ao mercado de Benfica produtos tradicionais da Páscoa (como folar e cabrito barrosão) e muita animação musical.
Estas iniciativas são sempre de saudar, quando as portagens, o encerramento de centros de saúde, de tribunais, de escolas e de repartições de finanças contribuem decisivamente para a desertificação e o distanciamento entre o interior do País e o litoral.
Afinal, que política de ordenamento do território temos? Será que é só a austeridade que nos condena ao fado de continuar a fugir para o litoral ou para o estrangeiro?

sexta-feira, 18 de abril de 2014

O HOMEM QUE NÃO SOUBE ESPERAR

A vertigem do poder acaba, quase sempre assim, em desgraça. Ou assassinado (real ou metaforicamente por um próximo, como César foi por Brutus) ou derrotado por alguém mais novo, sem apelo nem agravo.
Quando o mandato deste Governo estiver completo, qual será o conselho de Marco António a Pedro Passos Coelho? Que se afaste? Para dar o lugar a quem, no PSD? Que continue e se exponha à derrota certa?
Como todas as vertigens, ou desejos incontroláveis, também a do poder só acaba quando esbarra na realidade. E o balanço que se pode fazer da ação do PSD até agora está longe de ser grandioso: nem fez o que devia na reforma do Estado, nem conseguiu demonstrar que era diferente (com o caso Relvas tornou-se igual), nem conseguiu provar a boa parte da população que o caminho de Sócrates era verdadeiramente insustentável. Para muitos, a chegada de Passos Coelho ao poder é uma tragédia que não deixarão de fazer sentir nas urnas de forma bastante viva. E tudo isso resulta, apenas, do súbito desejo de poder de Marco António.
(De "Marco António e a Vertigem do Poder", de Henrique Monteiro)

Ligação: Marco António e a Vertigem do Poder [Chamem-me o que quiserem / Henrique Monteiro].

quinta-feira, 17 de abril de 2014

LITERATURA FICOU MAIS POBRE

Na morte de Gabriel García Marquez deixamos aos nossos leitores a sua biografia (transmitida pela CNN) e uma entrevista de Andrés Pastrana ao escritor.
   

NOVOS PORTÁTEIS LENOVO

A Lenovo anunciou na passa segunda-feira o lançamento dos novos portáteis flex convertíveis.Os novos portáteis Flex 2 vêm com écrans tácteis de 14" e 15,6" estarão disponíveis em Junho por 429 e 799 dólares, têm dobradiças de 300 graus que dobram para trás, de modo semelhante à série Yoga.
Podem ser adquiridos com processador Intel Core i7 acoplado a um Nvidia GPU, havendo a opção de AMD A8 APU com AMD Radeon R5 M230. Disco rígido é de 1TB ou solid state 256 GB.

Ligações: Lenovo Intros Flexible New Flex 2 Line of Laptops [Tom's Hardware]; Lenovo Announces Flex 2 and Snazzy AIO [PC Magazine].

SEGREDO É A ALMA DA GOVERNAÇÃO

Segundo Bagão Félix, o governo não explicita os cortes para o próximo ano, por estar a gerir uma folga orçamental, sendo este o verdadeiro motivo por que mantém as medidas em segredo.

domingo, 13 de abril de 2014

PORTUGUÊS NO ENSINO GALEGO

Entrou em vigor na passada quarta-feira uma lei, aprovada por unanimidade pelo parlamento galego, que obriga o governo da região a introduzir o português no ensino e a estreitar laços com os países lusófonos.

Ligações: Iniciativa Paz-Andrade [FB]; Proposta de lei, por iniciativa legislativa popular, Valentín Paz-Andrade [praza.com]; Diario de Sesións do Parlamento de Galícia - 11 Março 2014 [Parlamento de Galícia]

sábado, 12 de abril de 2014

AUTORIDADES ATENTAS À 'WEB'

Este fim de semana o Facebook divulgou o último relatório (segundo semestre 2013) sobre pedidos feitos pelas autoridades de cada país. 
No que diz respeito a Portugal, durante o ano passado, as nossas autoridades fizeram 325 pedidos de informação, visando 388 contas desta rede social (213 no 1º semestre e 175 no 2º). Os números do relatório mostram, ainda, que foram entregues informações em 44% dos 325 pedidos feitos. 
A empresa do Facebook diz que recusa pedidos demasiado vagos e que, nos casos em que entrega informação, partilha apenas informação básica – como o nome e o endereço de IP. Há outras multinacionais da web a quem são solicitadas informações sobre os utilizadores, pelas autoridades, destacando-se destas, a Microsoft, o Google e a Apple

Ligações: Relatório sobre pedidos governamentais [FB]; Microsoft’s Law Enforcement Requests Report– March 2014 [Microsoft]; Relatório de transparência [Google]; Transparency Report [Twitter]; Report on Government Information Requests [Apple].

sexta-feira, 11 de abril de 2014

'ESSE PAÍS TAMBÉM É NOSSO'

Uma petição pública contendo um manifesto lançado por jovens emigrantes portugueses com elevadas qualificações - escritores, arquitectos, economistas, investigadores, designer, engenheiros, etc - pretende que "a realidade avassaladora da emigração" seja tema de debate nas eleições europeias. Leia o texto completo da petição, clicando no link abaixo. 

quinta-feira, 10 de abril de 2014

BURLÕES ANDAM POR TODA A PARTE

Gonçalo, residente em Castelo Branco, vendeu um tablet pela internet e não conferiu devidamente o comprovativo da transferência que o comprador lhe mandou, pelo correio. Era um comprovativo falso, como verificou mais tarde. Só que já tinha enviado o objecto vendido.

quarta-feira, 9 de abril de 2014

'STRIPTEASE' PARA IDOSOS NA AMÉRICA

Em Nova Iorque, uma sessão de striptease para idosos deu origem a processo na justiça, com pedido de indemnizações milionárias. 
Esta ideia poderia pegar por cá? Não. Só se a justiça fosse mais rápida, para evitar que os queixosos morressem antes das sentenças.

Ligações: Lawsuit: L.I. Nursing Home Workers Hired Stripper To Put On Show For Residents [CBS NY]; Stripper at New York nursing home leads resident's son to sue [LA Times]; Nursing home allegedly hired stripper for 85-year-old grandmother [Pix11]; Male stripper goes to nursing home, elderly resident's son goes to court [KCTV5].

terça-feira, 8 de abril de 2014

BdP RECEBEU 68 QUEIXAS POR DIA

O Banco de Portugal (BdP) publicou o Relatório de Supervisão Comportamental 2013, aonde consta que recebeu 17 911 reclamações em 2013, (mais 15% do que no ano anterior), relativas a créditos à habitação e ao consumo. As coimas só renderam 500 mil euros. 
Foram registadas 16 recomendações relacionadas com o Livro de Reclamações.

segunda-feira, 7 de abril de 2014

PARTIDOS NÃO CUMPREM LEGISLAÇÃO

Segundo o Acórdão nº314/2014 do Tribunal Constitucional (TC), há irregularidades nas contas de 2009 de quase todos os partidos, nomeadamente em donativos indirectos, deficiências nos documentos contabilísticos e impossibilidade de conferir a origem de algumas receitas. 
O único que se salva é o Partido Operário de Unidade Socialista (POUS), cujas contas não apresentam irregularidades.
Das duas uma: ou a legislação é inexequível, ou, então, estamos perante um mau exemplo dos "pilares" da democracia que, tal como acontece com os cidadãos (pelo menos com alguns), deve ser punido. A menos que não sejamos - ou sejamos cada vez menos - um Estado de direito. 

domingo, 6 de abril de 2014

S5 DISPONÍVEL PARA A SEMANA

O Samsung Galaxy S5 estará à venda a partir do próximo dia 11 de Abril. Pelo preço aproximado de 675 euros. pode adquirir um telemóvel android 4.4 (Kit Kat), quad core, à prova de água e poeiras, com sensor biométrico de impressões digitais, sensor de gestos e monitor cardíaco. Vem equipado com câmera de 16 mega pixels e vídeo full HD.
Se quiser gastar menos, por quase metade do preço do S5,  pode optar pelo Wiko Highway, um octa-core android 4.2.2 (Jelly Bean) com argumentos capazes de convencer mesmo os utilizadores mais exigentes, nomeadamente a possibilidade de usar dois cartões em simultâneo e tirar fotos de 16 MP e fazer vídeos em full HD.

Ligações: Samsung Galaxy S5 Tips & Tricks [GadgetGuruHD]; Wiko Highway traz Full HD e "verdadeiro" octa-core por 349 euros [telemoveis.com]; Ranked: The Best Smartphones In The World Right Now [BI].

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails
                    TEMAS PRINCIPAIS
AUSTERIDADE  -  CONTAS PÚBLICAS  -  CONTRATAÇÃO PÚBLICA  -  CORRUPÇÃO  -  CRISE FINANCEIRA  -  CULTURA  -  DESPORTO  -  DGEMN  -  DIA COMEMORATIVO  -  DIREITOS FUNDAMENTAIS  -  DÍVIDA PÚBLICA  -  EDUCAÇÃO  -  ECONOMIA & FINANÇAS  -  ESTADO DA NAÇÃO  -  ÉTICA  -  HABILITAÇÕES  -  HUMOR  -  JUSTIÇA  -  LEGALIDADE  -  NOMEAÇÕES  -  PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO PÚBLICO  -  PLANO INCLINADO  -  POLÍTICA  -  POLÍTICA CULTURAL  -  PRACE  -  PRINCÍPIO DA MELHORIA INCONTESTÁVEL  -  REABILITAÇÃO  -  TERREIRO DO PAÇO