sábado, 23 de junho de 2012

COIMAS PARA ARGUIDOS DO 'CASO BPN'

Em processo de contra-ordenação, relativo ao caso BPN (universo da SLN - Sociedade Lusa de Negócios), o Banco de Portugal condenou ao pagamento de 9,9 milhões de euros 17 arguidos, entre os quais está a Galilei (ex-SLN - Sociedade Lusa de Negócios, que controlava o BPN), cujo presidente, Fernando Lima, declarou na Assembleia da República que a coima pode conduzir à liquidação do grupo e à colocação de 1.500 trabalhadores no desemprego.

Ligação: Banco de Portugal delibera condenações por factos ocorridos no “universo da SLN - Sociedade Lusa de Negócios”.

Sem comentários:

Publicar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails
                    TEMAS PRINCIPAIS
AUSTERIDADE  -  CONTAS PÚBLICAS  -  CONTRATAÇÃO PÚBLICA  -  CORRUPÇÃO  -  CRISE FINANCEIRA  -  CULTURA  -  DESPORTO  -  DGEMN  -  DIA COMEMORATIVO  -  DIREITOS FUNDAMENTAIS  -  DÍVIDA PÚBLICA  -  EDUCAÇÃO  -  ECONOMIA & FINANÇAS  -  ESTADO DA NAÇÃO  -  ÉTICA  -  HABILITAÇÕES  -  HUMOR  -  JUSTIÇA  -  LEGALIDADE  -  NOMEAÇÕES  -  PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO PÚBLICO  -  PLANO INCLINADO  -  POLÍTICA  -  POLÍTICA CULTURAL  -  PRACE  -  PRINCÍPIO DA MELHORIA INCONTESTÁVEL  -  REABILITAÇÃO  -  TERREIRO DO PAÇO