sexta-feira, 7 de junho de 2013

EUA ESPIAM PELOS SERVIDORES DAS REDES SOCIAIS

O director da National Intelligence dos EUA, James Clapper, emitiu uma declaração a defender a administração Obama de notícias de que a National Security Agency controla e tem acesso directo aos servidores e aos dados dos clientes das 9 principais empresas da web: Microsoft, Apple, Google, Yahoo, Facebook, PalTalk, AOL, Skype e YouTube. 
Nessa declaração, Clapper disse que os dados recolhidos no âmbito do programa PRISM são necessários à segurança nacional e não visam cidadãos dos Estados Unidos. James Clapper respondia, assim, a relatos alarmantes de The Washington Post e The Guardian sobre o PRISM que, até agora, tinha sido mantido secreto.
O programa PRISM foi criado em 2007, custa anualmente cerca de 20 milhões de dólares e permite a monitorização global de e-mails, mensagens instantâneas, vídeos, fotografias, ficheiros armazenados nas clouds, conversas de voz, ficheiros transferidos, vídeo-conferências, horário de entrada e saída da rede, perfis das redes sociais.

LigaçõesDocuments: U.S. mining data from 9 leading Internet firms; companies deny knowledge [The Washington Post]; NSA taps in to internet giants' systems to mine user data, secret files reveal [The Guardian]; REPORT: Tech Giants Share Shocking Amount Of User Data With The Government [Business Insider]; Top U.S. intel official challenges reports that spy agencies mined Internet data [CNN]; U.S. Says It Gathers Online Data Abroad [NYT].

Sem comentários:

Publicar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails
                    TEMAS PRINCIPAIS
AUSTERIDADE  -  CONTAS PÚBLICAS  -  CONTRATAÇÃO PÚBLICA  -  CORRUPÇÃO  -  CRISE FINANCEIRA  -  CULTURA  -  DESPORTO  -  DGEMN  -  DIA COMEMORATIVO  -  DIREITOS FUNDAMENTAIS  -  DÍVIDA PÚBLICA  -  EDUCAÇÃO  -  ECONOMIA & FINANÇAS  -  ESTADO DA NAÇÃO  -  ÉTICA  -  HABILITAÇÕES  -  HUMOR  -  JUSTIÇA  -  LEGALIDADE  -  NOMEAÇÕES  -  PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO PÚBLICO  -  PLANO INCLINADO  -  POLÍTICA  -  POLÍTICA CULTURAL  -  PRACE  -  PRINCÍPIO DA MELHORIA INCONTESTÁVEL  -  REABILITAÇÃO  -  TERREIRO DO PAÇO