terça-feira, 26 de abril de 2011

NÃO HÁ AJUDA A PORTUGAL SEM PARTICIPAÇÃO DA FINLÂNDIA

Em entrevista à televisão estatal finlandesa YLE, o comissário europeu Olli Rehn sublinhou que a aprovação do fundo de resgate europeu a Portugal requer unanimidade dos países membros.
Segundo as leis finlandesas, o Parlamento tem de se pronunciar sobre qualquer plano de assistência a outros membros da União Europeia, devendo a decisão finlandesa ser tomada até 16 de Maio, altura em que os 17 países da zona euro deverão discutir e aprovar o pacote de ajuda a Portugal em Conselho Europeu.

Sem comentários:

Publicar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails
                    TEMAS PRINCIPAIS
AUSTERIDADE  -  CONTAS PÚBLICAS  -  CONTRATAÇÃO PÚBLICA  -  CORRUPÇÃO  -  CRISE FINANCEIRA  -  CULTURA  -  DESPORTO  -  DGEMN  -  DIA COMEMORATIVO  -  DIREITOS FUNDAMENTAIS  -  DÍVIDA PÚBLICA  -  EDUCAÇÃO  -  ECONOMIA & FINANÇAS  -  ESTADO DA NAÇÃO  -  ÉTICA  -  HABILITAÇÕES  -  HUMOR  -  JUSTIÇA  -  LEGALIDADE  -  NOMEAÇÕES  -  PATRIMÓNIO IMOBILIÁRIO PÚBLICO  -  PLANO INCLINADO  -  POLÍTICA  -  POLÍTICA CULTURAL  -  PRACE  -  PRINCÍPIO DA MELHORIA INCONTESTÁVEL  -  REABILITAÇÃO  -  TERREIRO DO PAÇO